O distrito de Itaitu, distante 27 quilômetros de Jacobina, recebe de 29 de setembro a 1º de outubro o Festival EcoArte Itaitu. Com programação gratuita, o evento reúne shows musicais, espetáculos teatrais, exposições artísticas, exibições cineclubistas, culinária local e muita beleza.

Em sua primeira edição, o festival tem o objetivo de divulgar os produtos das oficinas realizadas no Ponto de Cultura EcoArte Itaitu, projeto da Associação de Ação Social e Preservação das Águas, Fauna e Flora da Chapada Norte (ASPAFF Chapada Norte), proporcionando entretenimento e geração de renda para a comunidade local.

“Desde o mês de junho realizamos oficinas de culinária regional, comunicação linguística e artesanato, valorizando a cultura aliada à potencialidade turística deste santuário ecológico. Essas ações culminam no 1º Festival de Gastronomia de Itaitu, programação que acontece dentro do EcoArte”, explica Richard Silva, presidente da Aspaff.

Entre as atrações confirmadas estão o forrozeiro Targino Gondim, a banda Santo Sou, grupo teatral Sarau das Seis, lançamento do Web Doc Itaitu e Tu, lançamento do livro "Offereço meu original como lembrança – Circuito social da fotografia nos sertões da Bahia (1900 – 1950)" do professor Valter de Oliveira, dentre outras que serão divulgadas nos próximos dias.

Contemplado por meio da parceria da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e Ministério da Cultura, o festival é uma das metas do Ponto de Cultura EcoArte Itaitu, iniciativa da Aspaff Chapada Norte e conta com o apoio da Prefeitura de Jacobina e comércio local.

Mais informações:
Richard Silva
Contato: (74) 9 8109-4467 / 9 9198-4416

 

Tomou posse na última quinta-feira, 14, como novo diretor de Turismo do município de Jacobina, Ronildo Andrade de Oliveira, conhecido como 'Roni do Voo Livre' ou 'Roni do Gás'. 

Roni integra a Associação de Vôo Livre de Jacobina, responsável por eventos de asa delta e vôo livre no município, e substitui Geyder Gomes que deixou a pasta no início do mês de agosto.

 

Em reunião ocorrida na última sexta-feira, 27, ficou definido que a Copa 13 de Junho, versão 2017, terá oito equipes tendo início em 26 de fevereiro. Cada equipe poderá inscrever 30 atletas, sendo que 15 atletas podem ser de fora do município de Ourolândia.

Em cada partida poderão atuar no máximo 06 atletas de fora. O campeão levará 6 mil reais, o vice campeão 3 mil reais, e 1 mil reais será divido entre o goleiro menos vazado, o artilheiro do campeonato, e o jogador destaque.

O Grupo A é formado por Casa Nova, América, River e Alagadiço. Já o Grupo B é formado por Juventus, Lagoense, Catarina e Fluminense.

A partida de estreia acontece dia 26 de fevereiro, às 15h30, entre Casa Nova e América.

Os Policiais Militares do PETO (Pelotão de Emprego Tático Operacional) da 24ª CIPM, desde o dia 25 de janeiro de 2017, estão recebendo treinamento ministrado pelos oficiais da companhia.

O objetivo é o preparo constante dos policiais militares para operações de alto risco, como ações de combate ao tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e roubos, além de operações de maior risco, o curso é constituído de técnicas modernas de entrada em ambientes perigosos e principalmente para a possibilidade de confronto armado, mas sempre preservando a vida e a paz social.

Com este treinamento, o objetivo é qualificar a tropa ainda mais para que as ações que já vem sendo realizadas pelo PETO em Jacobina continuem tendo o sucesso de que todos são testemunhas; grandes apreensões de drogas, armas de fogo e prisões de criminosos sem a necessidade de qualquer disparo de arma de fogo. O que já demonstra o preparo técnico e a preocupação da Polícia Militar em realizar suas ações dentro dos ditames da Lei e da proteção social.

por Tamara Leal

Prefeitos do centro-norte baiano se reuniram na manhã dessa sexta-feira, 27, no Palácio do Comércio, na cidade de Jacobina, para a eleição do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Território do Piemonte da Diamantina. O prefeito de Jacobina, Luciano Pinheiro, foi eleito o novo presidente do Consórcio.

Para o gerente regional do Sebrae, Geronilson Ferreira, que participou do evento, a parceria entre a entidade e os municípios deve ser reforçada e o Consórcio pode contribuir nesse estreitamento. “Temos a necessidade de pactuarmos encontros para discutirmos os eixos de política de desenvolvimento e ações relacionadas aos projetos de acordo com as demandas de cada municípios e a ocasião foi uma excelente oportunidade de reforçarmos essa mensagem”, disse.

O consórcio, que funciona como associação pública, é integrado por municípios da região e tem por objetivo fortalecer a defesa dos interesses intermunicipais, bem como articular com o Governo Federal e Estadual a criação de políticas públicas regionais e a captação de verbas para a execução de obras e serviços.

Escolhido pelos prefeitos de Saúde, Mirangaba, Ourolândia, Umburanas, Caém e o seu próprio voto, o novo presidente do Consórcio, o prefeito Luciano Pinheiro, reforçou a importância da adesão de todos os municípios, para que o consórcio ganhe mais força e, consequentemente, mais poder de decisão junto aos Governos Estadual e Federal.

O Território de Identidade do Piemonte da Diamantina é formado pelos municípios de: Caem, Capim Grosso, Jacobina, Miguel Calmon, Mirangaba, Ourolândia, Saúde, Serrolândia, Umburanas, Várzea Nova.

Participaram da reunião os gestores de seis municípios da regional, o gerente do Sebrae, representantes do Colegiado de Desenvolvimento Territorial Sustentável do Território do Piemonte da Diamantina e imprensa local.

 

O Programa Primeiro Emprego, do Governo do Estado, convocou esta semana mais 104 estudantes dos cursos técnicos de nível médio da Rede Estadual de Educação Profissional. As vagas foram para os municípios de Caetité, Eunápolis, Guanambi, Salvador, Feira de Santana, Euclides da Cunha, Jacobina e Senhor do Bonfim.

Lançado em novembro do ano passado, o Programa Primeiro Emprego tem como meta preencher, apenas no setor público, 4,5 mil vagas até novembro de 2017 e outras 4,5 mil até novembro de 2018. Mais de 80 empresas privadas também já manifestaram interesse em participar do programa.

Ao conquistar a vaga, intermediada pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), os egressos terão carteira de trabalho assinada e todos os direitos garantidos. O contrato tem duração de 24 meses no Estado, já as empresas particulares têm a prerrogativa de definir se haverá a continuidade do contrato. A remuneração nas instituições privadas é a partir de um salário mínimo, já nos órgãos estaduais, o contemplado terá salário mínimo, plano de saúde (Planserv) e vale transporte.

A superintendência regional do Incra na Bahia firmou convênios com 12 prefeituras do estado para a realização de obras de recuperação de estradas em 65 assentamentos. A iniciativa beneficiará 6.350 famílias de agricultores da reforma agrária.

A descentralização de recursos por parte do Governo Federal para a execução dessas obras de infraestrutura está prevista para março. O investimento é da ordem de R$ 42 milhões.

As ações englobam 13 assentamentos rurais no município de Wenceslau Guimarães. São dez áreas em Bom Jesus da Lapa, nove projetos em Morro do Chapéu, seis em Bonito e outras sete áreas de reforma agrária em Itaguaçu da Bahia. Além destas, há quatro em Cansanção, seis em Xique-xique, quatro em São Gabriel e três em Ituberá. Já em Água Fria, Souto Soares e Angical, um assentamento de cada município receberá obras de recuperação de estradas.

Para o superintendente regional do Incra/BA, Giuseppe Vieira, a execução das obras melhora o deslocamento das famílias entre o campo e a cidade. “O montante de recursos a serem aplicados em infraestrutura irá recuperar a qualidade de vida dos trabalhadores, permitindo o escoamento das produções agrícolas dos assentamentos”, frisa.

Ação

Os convênios foram assinados durante a gestão do superintendente substituto do Incra/BA, Miguel Neto, entre os meses de novembro e dezembro de 2016. “A ideia possibilita a descentralização de ações do Incra, vinculada a estratégia de investimento em infraestrutura de assentamentos”, explica Neto.

Fiscalização

As prefeituras conveniadas para as obras de recuperação de estradas só receberão os recursos à medida que inserirem os projetos básicos das intervenções no Sistema de Convênios (Siconv), estes precisam ainda atender as normas de projetos do Incra e serem analisados pela área técnica de engenharia da autarquia.

reportagem e foto Morro Notícias

Funcionários do Hospital São Vicente de Paulo estão sem receber 13º salário e o salário do mês de dezembro. Segundo informações, o repasse do município para o Hospital para pagamento dos serviços que já foram prestados não aconteceu, e a atual gestão diz que o problema vem da gestão passada. A gestão passada diz que a atual não paga porque não quer. Enquanto isso os funcionários devem a bancos, cartão de credito, escola de filhos, mercadinho e etc.

O atendimento à população já começa ser prejudicado: o RX já esta sem funcionar por falta de material, já falta álcool à 70% e se a situação não for resolvida logo a tendência é piorar com a falta de medicamentos e de médicos para atendimento, pois os médicos e enfermeiros e demais funcionários já estão reclamando que se não receberem os seus vencimentos vão paralisar o atendimento.

 

No dia 7 de fevereiro, a partir das 8h, acontece, no auditório da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) - Campus IV, em Jacobina, o V Ateliê de Pesquisa, atividade que integra o componente curricular da disciplina Pesquisa Aplicada à Educação (PAE) I, oferecida no Mestrado Profissional em Educação e Diversidade (MPED) e coordenada pelos docentes Ana Lúcia Gomes, Jacy Bandeira e Jerônimo Silva.

Com o objetivo de estreitar os laços entre universidade e escolas, no diálogo contínuo entre o processo de investigação acadêmica (teoria) e a formação de professores (prática), o evento contará com palestras e apresentações de artigos científicos. O foco do debate será a pesquisa em educação e suas especificidades, com base na
diversidade de métodos, abordagens, instrumentos e técnicas para o exercício crítico da docência.

Gratuito e aberto ao público, o Ateliê de Pesquisa é mais uma oportunidade para refletir sobre o tecido da existência e fazer emergir aquilo que visivelmente estava encoberto pelo senso comum. O desafio está lançado: “Linha e agulha nas mãos” para bordar os diferentes sentidos que compõem a realidade!

 

por Tamara Leal

O gerente Regional do Sebrae, Geronilson Ferreira, realiza uma série de visitas aos municípios que compõem a Unidade Regional, discutindo com as entidades parceiras sugestões e contribuições para a agenda de ações do segundo semestre de 2017.

“Acredito que até o final de fevereiro já devemos ter visitado todos os municípios da Regional de Jacobina, na busca da promoção de encontros e ações para promover a competitividade, fomentar o empreendedorismo e fortalecer a economia”, disse o gerente do Sebrae.

O objetivo das visitas é aproximar o Sebrae dos parceiros e clientes em uma agenda integrada sistêmica e formatar as ações, aproveitando as vocações econômicas locais, seja, através do projeto de atendimento territorial, ou até mesmo, por meio dos projetos setoriais de indústria, comércio, agronegócios e programas a exemplo do Viver Bem no Semiárido.

Geronilson também tem se reunido com os novos gestores dos 32 municípios que compõem a Unidade Regional. O gerente explica que a prática do Sebrae e ouvir as entidades e gestores para conhecer melhor as demandas fortalece a atuação da instituição no desenvolvimento econômico dos municípios por meio das Soluções Sebrae.

Para o presidente da CDL de Jacobina, Rogério Ferreira de Oliveira, a ação do Sebrae só fortalece as entidades e têm sido bastante proveitosas para os empreendedores. “Estamos montando uma agenda que contribuirá com a capacitação dos empresários, aproximando-os das entidades e fortalecendo a economia como um todo”, disse Oliveira.

“Nossa agenda é compartilhada com as entidades para que os empreendedores possam a cada dia ter mais acesso as soluções, realizando ainda melhor o atendimento empresarial”, finaliza Geronilson.

Nesta sexta-feira, 20, através das redes sociais a Prefeitura de Jacobina apresentou à população jacobinense o novo logotipo da gestão Luciano Pinheiro (DEM). A marca estará estampada em prédios, veículos oficiais, secretarias, e nas ações desenvolvidas pelo Executivo Municipal.

Conheça cada elemento que representa o novo logotipo da Prefeitura de Jacobina:

História - Faz uma ligação com a história de Jacobina e sua herança da cultura portuguesa presente nos casarios antigos da cidade;

Compromisso - Aperto de mãos representa o trabalho e o compromisso da Prefeitura com Jacobina e o seu povo;

Serras de Jacobina/ Cruzeiro - Elementos presentes na bandeira de Jacobina exaltando sua beleza, riqueza e cores;

Recursos Hídricos - Representa os nossos rios e cachoeiras, potencial turístico e origem econômica.

A marca produzida pela gestão apresenta aspectos históricos, culturais e naturais da formação do município de Jacobina, em consonância com traços modernos.

A escolha de apenas uma cor para identificar a administração de Luciano Pinheiro envolve a questão da contenção de despesas, seguindo uma tendência de outras administrações Brasil afora no intuito de gerar economia ao erário quando da confecção de material gráfico e pintura de prédios públicos.

O Grupo Diassis está com suas lojas muito mais amplas e com muitas novidades. São mais de 800 m² para atender a todos e agora com uma linha de material escolar e uma grande variedade na área de papelaria, com os preços mais baixos da região. Confira!

Não compre o material escolar do seu filho sem antes passar Lojão Variedades do Grupo Diassis.

Você ainda vai encontrar uma área de cosméticos e produtos de limpeza.

Não perca tempo, e aproveite as ofertas do Grupo Diassis. Avenida Orlando Oliveira Pires, centro de Jacobina. Telefone: (74) 3621-1394. 

A Prefeitura de Jacobina, por meio da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, firmou convênio com os Correios de Jacobina para garantir o atendimento dos serviços postais com a reabertura dos postos nos distritos do Junco, Novo Paraíso e a abertura de uma nova unidade em Itaitu.

O prefeito Luciano Pinheiro (DEM) garantiu ainda a renovação da prestação de serviços dos Correios em Lages do Batata e Caatinga do Moura. 

Os convênios têm vigência de 05 anos, e podem ser renovados a cada expiração do contrato.

O município de Jacobina fará a restauração dos espaços físicos onde serão implantados os postos de atendimento, além da indicação dos servidores que estarão trabalhando nestas unidades do interior do município.

De acordo com a gerente dos Correios de Jacobina, Rita de Cássia Farias, mais de 25 mil pessoas dessas localidades serão beneficiadas, indica com base em informações do IBGE.

Em breves dias a Prefeitura de Jacobina dará publicidade das datas das inaugurações dos postos de atendimento. "Estamos cumprindo o compromisso de campanha quando estivemos nestas localidades e nos comprometemos em reabrir estes postos de atendimento que ficaram fechados nos últimos quatro anos. Pode parecer algo simples, mas trata-se de um serviço de extrema importância e necessidade para os moradores do Junco, Novo Paraíso, além da abertura de Itaitu", afirmou o prefeito Luciano.

O vereador Eduardo Ribeiro (DEM) promoveu no auditório do Colégio Elvira Pires, no distrito do Novo Paraíso, uma reunião para discutir algumas necessidades relacionadas à localidade.

O encontro contou com a presença do prefeito Luciano Pinheiro (DEM) e a participação da comunidade. Foram discutidas questões relacionadas à regularização dos boxes dos comerciantes de carne, o retorno do funcionamento dos Correios, a implantação da telefonia móvel, um anseio antigo daquela comunidade, o problema da falta d'água também foi um dos temas debatidos que afeta tanto o abastecimento humano, como também a dessedentação animal.

O Poder Executivo ouviu os clamores e garantiu dar uma resposta o mais célere acerca das cobranças dos seus moradores.

 

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia abriu na última segunda-feira (09), a inscrição do Sorteio Eletrônico para 11.748 mil vagas dos cursos técnicos de nível médio, na forma de articulação Subsequente da rede estadual de Educação Profissional. As vagas são para estudantes que já concluíram o Ensino Médio e que querem voltar a estudar. São 53 cursos técnicos de nível médio de 11 Eixos Tecnológicos oferecidos nos Centros Estaduais e Territoriais de Educação Profissional e seus anexos, em 57 municípios baianos, nos 27 Territórios de Identidade. As inscrições podem ser feitas até 17 deste mês, exclusivamente, no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br). A oferta por Centro de Educação Profissional e município também pode ser conferida no Portal da Educação.

Das vagas ofertadas, 9.288 são para o interior do Estado e 2.460 mil para Salvador e Região Metropolitana de Salvador (RMS). O sorteio será realizado às 15h do dia 23 de janeiro, no auditório da Secretaria da Educação do Estado, localizado no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Em Jacobina são ao todo 144 vagas divididas nos cursos de Técnico em Administração e Técnico em Informática, cada um com 72 vagas. Os contemplados estudarão à noite.

Somente poderá participar do Sorteio Eletrônico o estudante que tenha concluído o Ensino Médio e suas modalidades, de forma gratuita, seja em estabelecimentos de ensino da rede pública de Educação – no âmbito federal, estadual ou municipal – ou que tenha, comprovadamente, cursado o Ensino Médio em instituição filantrópica ou em instituição privada na condição de bolsista integral.

Inscrição - No ato da inscrição, o candidato deverá fazer a opção para um único município, Centro de Educação Profissional, curso e turno. Ele poderá alterar os dados pessoais, a senha, o curso e o turno para o qual pleiteia a vaga nos Centros até o último dia de inscrição. Não será permitido alterar o município de residência e o CPF.

Matrícula – A matrícula para os contemplados no Sorteio Eletrônico ocorrerá no período de 1º a 3 de fevereiro de 2017. Os candidatos contemplados deverão se dirigir aos Centros Territoriais e Estaduais de Educação Profissional para os quais se inscreveram. No ato da matrícula, devem ser apresentadas cópias e originais dos seguintes documentos: CPF, histórico escolar, Carteira de Identidade e comprovante de residência. O início das aulas está previsto para 06 de fevereiro de 2017.

Todos os candidatos inscritos serão sorteados e classificados. Mas só serão convocados para a matrícula, os contemplados de acordo com a classificação e o número de vagas ofertadas em cada centro. Inicialmente, os contemplados serão convocados para efetivar a matrícula. Havendo desistência, as vagas residuais serão preenchidas de acordo com a classificação dos demais candidatos.

Uma nova Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) foi reconhecida pelo Estado da Bahia, por meio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), no Município de Ourolândia, que fica a 414km de Salvador. Denominado ‘Toca dos Ossos’, o local possui mais de 80 hectares de áreas protegidas, com foco na proteção do patrimônio espeleológico e arqueológico nacional. O reconhecimento contou com o apoio e incentivo do Ministério Público estadual, por meio de acompanhamento através de Inquérito Civil. A instituição ou regularização de RPPN é uma das linhas de atuação do MP, através de iniciativa da Gestão Estratégica.

“A caverna possui relevância nacional, já que é sítio paleontológico importantíssimo, no qual foram encontradas diversas ossadas de mamíferos extintos como de preguiças gigantes. Além disso, um estudo da fauna atual localizou 84 espécies de invertebrados e duas espécies de vertebrado ainda residentes no interior da caverna, algumas só existentes no local”, destacou o promotor de Justiça Pablo Almeira. Ele complementou que o local possui sítios de pinturas rupestres e seus túneis se estendem por mais de dez quilômetros de galerias, “possuindo inegável beleza cênica. Trata-se da primeira Unidade de Conservação (UC) deste tipo na região”.

Outras nove propriedades rurais na região de Jacobina já estão sendo mapeadas com a finalidade de serem instituídas novas RPPNs. Nesses locais, o MP atua conjuntamente com organizações não-governamentais como o Instituto Água Boa A RPPN é uma Unidade de Conservação de domínio privado que tem o objetivo de conservar a diversidade do meio ambiente, contribuindo para a ampliação das áreas protegidas no país e possibilitando a participação da iniciativa privada no esforço nacional de conservação da biodiversidade dos biomas brasileiros. Entre os incentivos para os proprietários de imóveis buscarem a criação de RPPN estão a isenção do Imposto Territorial Rural (ITR), a possibilidade de desenvolver nesses locais atividade de ecoturismo e educação ambiental e formalizar parcerias com instituições públicas e privadas, dentre outros.

 

O promotor de Justiça Pablo Almeida ajuizou nesta terça, dia 10, uma ação civil pública com pedido de liminar requerendo que a Justiça decrete a interdição provisória da Delegacia do Município de Miguel Calmon, transferindo os presos para outros estabelecimentos penais, em no máximo 12 horas. Além disso, o promotor de Justiça requer que a interdição da carceragem perdure até que o mesmo seja reformado e que o Estado realize obras emergenciais no local, no prazo máximo de 90 dias, garantindo condições básicas de higiene, saúde, salubridade e segurança.

“Recentemente a situação se agravou e a não interdição da carceragem e imediata transferência dos presos poderá infligir aos internos uma sobrevivência num local insalubre, inseguro e sem alimentação adequada”, destacou Pablo Almeida. Como pedido definitivo, a ação requer que a Justiça determine, no prazo de 180 dias, a instalação de pelo menos oito câmeras de segurança no interior e no entrono da delegacia, bem como equipamentos de vídeo-monitoramento, visando aumentar a segurança dos servidores públicos, dos presos e familiares; instalação de pelo menos um cofre para armazenamento de armas, drogas e outros produtos valiosos, até a destinação final; realização de uma reforma geral do estabelecimento penal da cidade; e a adequação das instalações físicas do depósito onde são acondicionados os bens apreendidos, dentre outros.

Trecho da BA 144 que liga Lages do Batata a Morro do Chapéu/ foto Augusto Urgente

A imagem poderia servir de cena para qualquer produção cinematográfica de cenas que envolvem uma área desértica, ou mesmo de desbravamento de uma área inabitável, mas na verdade não o é. O clique feito por Augusto Jacobina, do blog Augusto Urgente ilustra o que restou da BA 144 que liga Lages do Batata a Morro do Chapéu, a principal via de acesso para a região de Irecê e Chapada Diamantina.

Como o trecho foi se deteriorando e não houve nenhuma intervenção por parte do Governo do Estado, responsável pela estrada, o que sobrou é apenas o 'projeto' de uma rodovia. Os moradores de Lages do Batata, Icó, Várzea Nova e Morro do Chapéu, bem que poderiam fixar placas nos extremos da rodovia com o seguinte comunicado: "aqui jaz a BA 144".

Através de uma rápida pesquisa na internet pode se comprovar que esta demanda da recuperação da estrada já foi levada por representantes políticos desde 2015, e de lá para cá nada foi feito.

Trecho da BA 131 que liga Miguel Calmon a Porto Feliz. Um dos dois trechos tem que ser usados para quem necessita se deslocar para a região de Irecê e Chapada Diamantina

Como via alternativa para se chegar a região de Irecê e Chapada Diamantina tem-se a BA 131 que liga Miguel Calmon a Porto Feliz. O fluxo de veículos migrou enormemente para este trecho que está se acabando dia após dia. Até veículos pesados trafegam por esta rodovia na tentativa de fugir dos cascalhos da BA 144 e agora se deparam com as crateras que tomam conta principalmente entre o trecho de Andaraí, localidade do município de Piritiba, a Porto Feliz.

Motoristas chegam a trafegar parte deste trecho por uma via vicinal que fica paralela ao que resta desta rodovia. Caso não haja urgentemente uma intervenção para recuperação da BA 131 terá que se dizer, tal como a BA 144, que ali, um dia, existiu uma estrada.  

Veículo trafega em trecho vicinal paralelo ao que ainda existe da BA 131

A professora Audacy Requião voltará a assumir a direção do Núcleo Regional de Educação, antiga DIREC 16, órgão que ela já coordenou por duas oportunidades: entre 2013 e 2014 e entre 2015 e 2016.

Ela substitui a professora Nazaré Costa que assumiu a direção do Núcleo em março de 2016. A nomeação de Audacy passa pela intervenção do atual prefeito de Miguel Calmon, José Ricardo Leal Requião (PT).

O Núcleo Regional Educação do Piemonte da Diamantina tem a responsabilidade de coordenar as ações de educação em 09 municípios: Jacobina, Caém, Miguel Calmon, Mirangaba, Ourolândia, Saúde, Serrolândia, Umburanas e Várzea Nova, e é responsável pelas ações educacionais a nível estadual em toda a região.