Depois dos resultados positivos do Forró Solidário, que arrecadou R$ 764 mil para a construção de uma nova área de UTI no Hospital Aristides Maltez (HAM), em maio deste ano, a primeira-dama e presidente das Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), Aline Peixoto, e o cantor Bell Marques formaram nova parceria para mais um show beneficente. O anúncio foi realizado durante uma entrevista coletiva, nesta segunda-feira (20), no auditório do hospital, em Salvador.

O valor arrecadado será utilizado na construção de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com dez leitos, duplicando o número atual. Para a primeira-dama, o momento é de mobilizar a sociedade mais uma vez em prol do hospital filantrópico. “Queremos estimular o voluntariado, tirar de dentro das pessoas o que elas têm de melhor, que é ajudar o próximo. O HAM é referência em toda a Bahia, é o que mais opera pacientes com câncer no Brasil. Nosso objetivo é ajudar, para que ele realize cada vez mais operações”, afirmou Aline.

O evento, que vai celebrar os 40 anos do bloco Camaleão, está marcado para 18 de janeiro, no palco principal do Teatro Castro Alves (TCA). Os ingressos terão preços entre R$ 100 e R$ 800. Na entrevista, Bell saudou o trabalho realizado pelas Voluntárias. “Aline e as Voluntárias fazem um trabalho muito bacana e trabalham muito para que esses eventos deem certo. Eu fico muito feliz por poder fazer parte dessa parceria. Queríamos comemorar essa data tão importante para o Camaleão de uma forma grandiosa, melhor ainda podendo ajudar as pessoas”

Para o presidente da Liga Baiana Contra o Câncer, Aristides Maltez Filho, o recurso vem em um momento importante. “Hoje nós contamos apenas com 10 leitos de UTI. Com esse show, vamos aumentar nossa capacidade, atendendo mais pacientes. Com o valor que recebemos do Forró Solidário e com o apoio que temos recebido do Governo do Estado, já temos em conta mais de R$ 1 milhão. Agora, com esse novo evento, nós vamos ter o suficiente para realizar essa melhoria tão importante para nós. Nosso desejo é iniciar as obras já no mês de fevereiro”, destacou.

Sobre o HAM

Principal referência no estado para tratamento de câncer, o HAM é uma instituição filantrópica que funciona na Avenida Dom João VI, em Brotas. Ele foi inaugurado em 1952, com apenas 15 leitos para atender os pacientes. Hoje, a instituição tem 218 leitos, dos quais 10 são da UTI humanizada e 18 da Unidade de Oncologia Pediátrica.

A instituição tem um movimento diário de 3 mil pessoas em seus ambulatórios, com 100% de pacientes do SUS. Atende praticamente todos os municípios da Bahia e de estados vizinhos, como Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Pará, Maranhão, Espírito Santo e Minas Gerais, realizando uma média de 3,2 milhões de procedimentos anuais.